Home / Segurança / artigos / Comunidade e Polícia Militar, a parceria que sempre dá certo

Comunidade e Polícia Militar, a parceria que sempre dá certo

IMG-20180418-WA0027

O projeto “Vizinhança Solidária” da Polícia Militar do Estado de São Paulo já existe a algum tempo, e sempre soube dos bons resultados que vinha alcançando onde era instalado, então quando o comandante do CPA/M4 (Comando de Policiamento de Área),  Cel. PM Santana, organizou uma reunião entre os presidentes dos Conselhos de Segurança e os capitães da polícia militar do extremo leste da cidade de São Paulo, com o objetivo de falar especialmente deste trabalho, vi uma grande oportunidade de me aproximar, ainda mais, dos moradores da região onde trabalho há mais de dez anos.

Como comandante da 2ª Cia do 29º Batalhão da Polícia Militar Metropolitano, que tem no seu comando o Ten. Cel. PM Arantes, e que está na área do CPA/M4, tive o privilégio de ser a primeira Cia da região a instalar, junto com os moradores de São Miguel Paulista, esta importante estratégia que vem ajudar na prevenção do crime.

Já na primeira rua onde o trabalho foi iniciado em março deste ano (2018), o sucesso foi visível para todos. Cidadãos da Rua Torixoréu, em São Miguel Paulista, aqui no extremo leste da cidade de São Paulo, se mobilizaram com mais de 70% de adesão dos moradores, e por meio do Conseg São Miguel (Conselho Comunitário de Segurança Pública de São Miguel Paulista), tive a oportunidade de reunir todos os interessados e apresentar o Vizinhança Solidária, e como os cidadãos de bem podem ajudar a policia militar a desenvolver o seu trabalho.

Os policiais sob o meu comando demonstraram muito interesse em participar, e em um domingo pela manhã, já na semana seguinte após a reunião de instrução, duas equipes da 2ª Cia, estiveram acompanhando os moradores na instalação das faixas e placas que divulgam para quem passa pelas redondezas, que ali a comunidade e a polícia militar estão juntas na prevenção e combate ao crime.

Para minha surpresa, algumas semanas após o inicio do trabalho recebi na sede da 2ª Cia, uma comissão de moradores da rua Torixoréu, que vieram agradecer a dedicação dos policiais, e ainda trouxeram ovos de chocolate (pois já estávamos na época da pascoa) para os filhos dos policiais.

Neste mês de junho/18 já estou acompanhando a instalação do projeto Vizinhança Solidária em mais 14 ruas de São Miguel Paulista, e o interesse não para, a cada rua onde o trabalho é iniciado, moradores de ruas vizinhas, ao saber do projeto, buscam informações e querem participar.

Como profissional deste segmento da segurança pública, já me sentia gratificado por participar desta honrada corporação que é a Polícia Militar do Estado de São Paulo, e agora, vendo tanta gente boa envolvida e querendo ajudar a cuidar da segurança de pessoas, me sinto mais que realizado, pois além de cumprir o meu dever, sinto um grande prazer em participar, junto da comunidade, na busca de soluções, simples mas que são eficazes no combate ao crime.

Capitão PM Djalma Lúcio Salgado Pinto – Comandante da 2ª Cia do 29º BPM/M é Colunista no Jornal Extremo Leste SP

Scroll To Top